Lida

Lida · Lida

Anna Eborn

2017, DNK, SWE, 89', M12


Competição Internacional

29 Nov 2017 · TM Rivoli, Grande Auditório Manoel de Oliveira · 15H00

30 Nov 2017 · TM Rivoli, Auditório Isabel Alves Costa · 21H00


Tomando a forma de um ensaio poético sobre a memória, e de como ela pode servir um presente em fim de vida, Lida é um retrato construído através do cruzamento dos testemunhos de uma família desmembrada. Lida é uma mulher octogenária, a última sobrevivente de uma antiga vila sueca na Ucrânia, que perdeu contacto com a família e vive num lar de idosos. Nesse lar, somos guiados pelas palavras de Lida, por vezes em confronto com as intervenções ambíguas das restantes pessoas que ali habitam. É nesse acompanhamento quotidiano, intercalado por imagens semi-oníricas que ecoam histórias passadas e pelas memórias distantes do filho e da irmã com quem nunca mais se cruzou, que conhecemos o seu percurso de amor, guerra, herança e desapego. (Sofia Arriscado)